Autoconhecimento e valores: qual relação?


Autoconhecimento e valores – qual relação... Será que tem? Quando identificamos quais valores nos governam descobrimos quem somos. Certa vez li e trago para a minha vida – somos nossos valores quando fazemos escolhas, e o poema de Mahatma Gandhi confirma minha crença:

“Mantenha seus pensamentos positivos, porque seus pensamentos tornam-se suas palavras. Mantenha suas palavras positivas, porque suas palavras tornam-se suas atitudes. Mantenha suas atitudes positivas, porque suas atitudes tornam-se seus hábitos. Mantenha seus hábitos positivos, porque seus hábitos tornam-se seus valores. Mantenha seus valores positivos, porque seus valores tornam-se seu destino!” Mahatma Gandhi

Quem eu sou? Para onde eu vou? Por que reagi assim? Por que isto acontece sempre comigo? O que gosto de fazer? Qual a minha missão? Por que faço o que faço? Que valores uso para fazer as minhas escolhas? São questões que por vezes vem à mente quando se para refletir sobre quem se é e os resultados que está se obtendo. Se é igual e diferente dos outros. Cada um é uma unidade na diversidade.


Descobrir quem se é e não apenas o que os outros gostariam que fosse é o desafio de todas para se diferenciar e cumprir a missão socrática conheça-te a ti mesmo.


Para Kaplan, “todos nós, e aqui me incluo, temos “pontos cegos”, ou seja, características pessoais das quais não temos conhecimento, mas que são evidentes para quem nos observa. Os profissionais estão em diferentes estágios do processo de conhecimento íntimo”


Vive-se com o encargo de gerar resultados – sempre na medida em que se exercita os melhores comportamentos. As AÇÕES são imprescindíveis. As CRENÇAS que nos conduzem nos caminhos e nas escolhas. E os VALORES que norteiam as ações, sendo que as mudanças sustentáveis passam pelos valores que se tem e como se aplica no comportamento, e isto constitui quem se é; e quando mais se conhece mais inteiro se está em tudo o que faz.


Robert Kaplan afirma que um executivo para ser bem sucedido deve ser capaz de listar seus pontos fortes e fracos.


O autoconhecimento consiste em as pessoas saberem quem são, isto é, reconhecem suas habilidades e pontos fortes. Sabem o que são capazes de realizar e o que devem fazer para isso. Identificam seus pontos cegos e os de melhoria. Logo, como o poder flui de tal conhecimento, podem realizar o impossível.


Lembre-se: você é uma criação única, sem igual. Tem seus próprios talentos, habilidades, pontos fortes, fraquezas, sonhos e potencial. (Hyrum W. Smith, 2003). E se conhecer faz toda a diferença, uma vez que você será tudo o que pode ser.


EXERCÍCIO EM AÇÃO


Identifique os seus valores – descubra os cinco valores que norteiam a sua vida respondendo as seguintes perguntas.


1. Pense em seus objetivos. Por que estes objetivos são importantes para você? O que sua realização trará para você?

2. Pense no que é importante para você. O que estas coisas geram em você?

3. Pense no que é mais importante para você. Qual é o sentimento que lhe traz estas coisas?

4. Pense em algum comportamento indesejado seu. Ele traz algum benefício? Se sim, qual?


A resposta a estas perguntas irão dar a você condições para listar os seus valores uma vez que respondem as perguntas: o que o motiva? O que é importante para você?


Valores determinam atitudes e comportamentos visam atender aos valores. Então: arregace as mangas, vá ao trabalho: liste os seus valores.


R. Dr. João Colin, 1285 - América, Joinville - SC, 89201-010, Brasil

  • Google Places
  • Facebook
  • Instagram
  • LinkedIn

©2020 por Instituto Realiza Terapias Integradas.